Review / Tutorial: TASOMACHI: Behind the Twilight

Ola, aqui é o Pena e hoje vamos com um jogo que é mais pra relaxar enquanto exploramos o mundo com o Tasomachi: Behind the Twilight.

O jogo foi produzido pela Orbital Express, sendo esse o primeiro jogo da empresa, enquanto a publicação fica a cargo da Playism, da qual já fizemos alguns review como do Legal Dungeon e do Record of Lodoss War: Deedlit in Wonder Labyrinth (todos os review deles aqui no site você encontra aqui).

Review feito em base da versão para PS4. Código cedido pela Playism

Titulo: TASOMACHI: Behind the Twilight
Produtora: Orbital Express
Distribuidora: Playism
Gênero: Aventura / Puzzles
Plataformas: PlayStation 4, Nintendo Switch, Xbox One e PC (Steam e GOG)
Mídia: Digital e Físico
Textos: Inglês, Japonês, Chinês Tradicional e Simplificado

com inglês
com Inglês

História

Durante uma das suas viagens, enquanto Yukumo pilotava a sua aeronave em direção ao Ta-en, uma onde de energia seguida de uma densa névoa pega de surpresa a nossa protagonista.

Isso faz com que ela precise fazer um pouso forçado na cidade. Agora com a sua aeronave danificada, ela precisa explorar essa cidade que está praticamente deserta, conseguir a proteção das árvores espirituais e restaurar o seu transporte pra seguir a viagem.

A história é bem simples e direta, sem muita enrolação, tudo só pra ter um motivo pra realizar as tarefas do jogo. Como o foco dele é longe de contar uma história profunda (apesar de que, se você procurar bem, encontra algumas informações do que está acontecendo ali) e sim focar nos enigmas e curtir a paisagem, é algo que não vai atrapalhar a jogatina.

Gráficos

O jogo traz gráficos em 3D bem feitos, mesmo que não haja uma variedade muito grande dos cenários, já que se passa tudo na mesma cidade, cada região dela tem umas próprias particularidades, trazendo bastante detalhes neles.

Como também temos a parte de exploração com a aeronave da Tumuko, tem uns locais bonitos pra aproveitar enquanto voa com ela. Aqui as vezes tem um pouco de demora pra completar a renderização de alguns pedaços do cenário, mas não é nada extremo que impeça a campanha do jogo e é relativamente rápido esses momentos.

Áudio

As musicas foram feitas pelo artista Ujico*, trazendo o gênero eletrônico com vários pontos no piano pra a campanha. Elas variam bastante dependendo da área que você está explorando, mas combinam bem com os locais do jogo.

Não temos dublagem aqui, mas como o foco não é contar uma história profunda, é mais pra realizar os desafios e explorar a cidade, não atrapalha a diversão dele.

Não encontrei a OST do jogo no Spotify, mas no canal da Playism tem uma coletânea mostrando o geral das musicas dele, então segue o video.

Jogabilidade

Altere os comando como desejar

O jogo é relativamente simples, tanto na interface do menu como na sua interação com o cenário. Nesse jogo podemos mudar os comandos conforme desejar, o que é bom pra aqueles que preferem uma configuração especifica.

Menu


No menu de pausa do jogo ele abre uma pequena tela no canto, dando algumas opções bem diretas. Tirando as opções de configuração do jogo, não temos muitas opções, mas como não é um RPG, não há necessidade pra isso mesmo.

O mapa só mostra essas localizações depois que comprar na loja.

Em Maps mostra os mapas das áreas das cidades que você já tem acesso e se você comprou a atualização do mapa nas lojas, tem uma localização geral de cada um dos Source of Earth daquela região, já ajuda bastante na busca deles.

Em Stats mostra as quantidades de itens e colecionáveis gerais que já foram encontrados no jogo e entrando em cada área, mostra por nome e numeração de cada um dos Source of Earth, o que ajuda a saber o que já foi encontrado e o que está faltando.

Cidades

Basta chegar perto dos NPCs que eles já falam

Inicialmente, devido a neblina, as cidades estão vazias, mas conforme você libera essas áreas, novas interações aparecem nelas.

Os requisitos são marcados na porta pra facilitar

Pra avançar na campanha e ter acesso a certos locais, você precisa acumular os Source of Earth e cada local mostra qual a quantidade necessária pra acessa-los na porta.

Esses são os Source of Earth, alguns estão bem na vista, mas vários estão bem escondidos, precisando vasculhar bem o cenário para encontrar todos eles, tem uns bem escondidos.

Esses pontos brilhantes contem dinheiro, que sempre recarregado quando retorna ao local.

Depois que você libera a cidade, além de sair a neblina, os NPCs aparecem, dando tarefas pra Tukumo em troca de mais Source of Earth.

Nas lojas temos algumas mobilias para a casa que Tukumo está utilizando na cidade, além de roupas novas e os mapas. Com exceção dos mapas que dão uma ajuda na busca dos Source of Earth, todos os outros itens são cosméticos e não afetam em nada a jogabilidade geral do jogo.

Na aeronave só é possível pegar os Source of Earth desse tipo

Depois que avança um pouco no jogo e reforma a aeronave, você pode utiliza-la para passear pelas cidades e encontrar mais itens que só encontram nesses locais.

Sempre que der, use esse santuário pra salvar, já que nele não temos save automático.

Desafios

O avanço geral da campanha ocorre quando você entra nos locais dos desafio pra recuperar a bênção das árvores espirituais

Os tipos de desafios são variados, indo desde sessões com plataformas móveis flutuantes como sequencias que necessitam memorização de certos padrões

Conforme avança, Tukumo aprende novas técnicas, como um dash aéreo e um pisão que destrói certos lugares frágeis. Essas técnicas podem E DEVEM ser utilizadas nas cidades conforme libera elas pra conseguir Source of Earth.

Se por acaso o desafio estiver muito difícil, você pode pagar nesse teletransporte pra pular o desafio, mas ele reseta assim que sair da área.

E por ultimo, após reformar a aeronave, você libera o uso de fogos de artifício com ela, que são utilizados pra destruir alguns objetos pra conseguir avançar na campanha e achar Source of Earth também.

Extras

Depois que você finaliza a campanha principal, você pode retornar no seu save e continuar a exploração pra fazer tudo ele.

Entre as novas opções liberadas temos o “Deep Sanctuary”, que libera diversos cenários aonde você precisa seguir o caminho pra chegar na linha de chegada dentro do tempo e nesse meio tempo explorar o local pra achar os segredos dali usando a aeronave da Yukumo.

As cidades também liberam novos desafios pra conseguir mais Source of Earth e assim conseguir completar todos os cenários.

Conquistas

O jogo base é bem rápido, o que demora um pouco são as conquistas mesmo.

O jogo é bem tranquilo pra fechar e fazer as atividades que tem nele, o que vai mais demorar é fazer tudo que ele pede na lista de conquistas, que vai te forçar a explorar cada canto do jogo. Entre os mais trabalhosos temos:

ConquistaDescrição
Favorite OutfitComprar todas as roupas do jogo.
ShopaholicComprar todos os itens das lojas
A Full BagEncontrar todos os Source of Earth
Your Aim is TrueDestruir todos os Source of Earth corrompidos

Conclusão

Tasomachi: Behind the Twilight traz um jogo de puzzles e exploração bem tranquilo pra aqueles momentos que você não quer se estressar com inimigos difíceis e curtir apenas a paisagem e realizar tarefas mais tranquilas.

Os gráficos em 3D do jogo são relativamente simples puxando pro estilo anime, mas as cidades são bem trabalhadas e tem vários detalhes nelas, mesmo que devido ao contexto do jogo sejam vazias demais.

As musicas são todas bem tranquilas, várias no piano pra manter o clima sereno do jogo, sendo que algumas misturam um pouco de eletrônico mais leve, ficando no geral um bom som ambiente pra partida.

A jogabilidade dele é simples, precisando completar diversos desafios rápidos pra avançar na campanha e explorar bastante pra conseguir encontrar os itens e ter acesso a próxima parte. A parte do transporte dela fica mais pro fim, mas com ele da pra curtir bem os cenários que temos acessos e fizeram uns extras legais com ele.

A história é bem simples e sem muito desenvolvimento, já que o foco do jogo são os enigmas mesmo.

No geral, se você gosta de jogos mais tranquilos, quer desafios mais leves ou quer pegar bastante pontos pra o perfil online das plataformas que usam sistema de conquistas, esse é uma boa pedida.