Review / Tutorial de In My Shadow

* Esta análise foi feita com o código cedido pela OverGamez (versão PS4/PS5)

Distribuidora: Fun Games / Alcon Interactive Group / OverGamez
Produtora: Playbae
Plataforma: PS4 / PS5 / Xbox One / Xbox Series X / Xbox Series S / Switch / PC
Mídia: Digital
Ano de Lançamento: 2021

In My Shadow é um jogo de puzzle e plataforma que utiliza a sobreposição de sombras, representando os problemas do passado de Bella.

TRAUMAS DA INFÂNCIA

Bella vivia uma vida tranquila com seus pais e seu cachorro.
A chega de um irmão mais novo, no entanto, gerou ciúmes nela, como é comum aos filhos mais velhos.

A família reunida em um momento (aparentemente) feliz

Bella presencia uma briga dos pais


O que parecia uma família perfeita, no entanto, escondia pequenas rachaduras, ao menos aos olhos de Bella.
Brigas dos pais que ela presenciara ainda pequena e a constante preferência dos pais pelo irmão, com o qual ela começa a brigar para disputar a atenção.

O ciúme com relação ao irmãos mais novo desestabilizou a família

OBSTÁCULOS METAFÓRICOS

Através de quatro cômodos da casa onde costumava viver (até se rebelar e fugir), Bella deve cruzar obstáculos, utilizando objetos para criar sombras que se justaponham às armadilhas (também feitas de sombras) e alcançar os membros da família.

Armadilhas e obstáculos devem ser superados utilizando a sobreposição de sombras
Ao manipular as caixas


Tudo se passa na mente da protagonista, agora adulta e solitária, que revive memórias e traumas da infância.
Os objetos utilizados para criar as plataformas podem ser interpretados como suas ferramentas cognitivas, diretamente ligados à maleabilidade dos estados mentais.
Desta forma, alguns objetos são plenamente livres, podendo ser rotacionados e avançando nas quatro direções; alguns podem ser apenas movidos horizontal ou verticalmente e outros são fixos (talvez representando convicções morais mais sólidas ou mesmo traumas mais profundos); há também objetos frágeis, que quebram-se ao serem pisados, deixando apenas pequenas plataformas de sustentação ou desaparecendo de vez.

… cria-se um caminho para avançar

Algumas armadilhas podem ficar invisíveis ou parcialmente visíveis


Os objetos variam entre bancos, caixas de madeira, poltronas, mesas e cadeiras escolares.
Já os obstáculos e armadilhas são representados por serras circulares, espinhos fixos no chão e espinhos rotatórios e/ou móveis em horizontal, alinhados em barras.

Espinhos móveis precisam de timing para serem superados


Importante ressaltar que, a partir do segundo capítulo, existem armadilhas invisíveis, então é preciso cuidado ao avançar. Em alguns casos, é possível perceber alguma parte da armadilha parcialmente visível, ajudando no reconhecimento.
É também a partir do segundo capítulo que duas paredes passam a ser utilizadas.

Coletadas todas as “peças”, você pode aproximar-se das sombras da família


Ao final de cada desafio, Bella alcança a sombra de seu cachorro, irmão ou da família toda.
Ao encontrar-se com elas, no entanto, desaparecem.
Porém, antes de encontrá-las, é necessário coletar “papéis” que estão flutuando pelo cenário. E coloco aspas pois, por tratarem-se de sombras, não dá pra ter exata certeza se é papel ou não, embora possivelmente sejam fragmentos de lembranças, uma vez que fotos preenchem o álbum de memórias, conforme avança-se pelas fases.

TEATRO DE SOMBRAS

O gráfico de In My Shadow é simples, sendo a parte em sombras mais consistente.
Os personagens durante as cutscenes são estáticos, representando lembranças de momentos específicos. Sua modelagem é um tanto quanto grosseira em alguns pontos, especialmente quando a Bella adulta aparece em foco.
A modelagem no estilo super deformedcarisma aos personagens, embora o gráfico não seja particularmente bonito.

Uma mensagem do pai leva Bella à revisitar suas memórias


A trilha sonora no piano é um pouco repetitiva, mas não chega a atrapalhar a experiência.
O jogo não possui dublagem; as legendas em português possuem alguns erros leves de digitação.

Um dos raros momentos em que vemos Bella em sua fase atual

PLATINANDO MEMÓRIAS

A platina de IMS é mediana na dificuldade.
O troféu de zerar em menos de três horas pode ou não ser um desafio, dependendo da sua capacidade em resolver os enigmas.

A claridade e posição dos objetos afeta o tamanho das plataformas de sombra


troféus por completar um número específico de fases sem morrer em cada um dos quatro “mundos” do jogo e também o troféu de morrer 100 vezes.
É possível pular alguma fase em que você está preso, mas não recomendo isto na primeira run, uma vez que há um troféu por zerar o jogo sem saltar nenhum fase e um troféu por saltar 10 vezes (que recomendo fazer numa segunda jogada, após ter pego todos os outros troféus e deletando o save).

RESUMO DA ÓPERA:
In My Shadow é um puzzle de manipulação das sombras no qual acompanhamos a jornada pelas memórias de Bella, uma jovem que se revoltou e saiu de casa, deixando para trás sua família.

O pequeno cão era o ponto de ligação entre os irmãos…


Enquanto utilizamos a sombra de suas memórias para evitar armadilhas e obstáculos que representam os traumas da menina, entendemos que ela cometeu erros de interpretação com relação aos seus parentes.

… bem como a desculpa para suas travessuras


A relação com o cachorro, o irmão e os pais é mostrada através de cenas estáticas de momentos que levaram à sua decisão, em um gráfico simples, com uma trilha sonora no piano, melancólica, porém repetitiva.

A reconciliação entre a Bella do passado e a do presente


O desafio evolui bem, sem tornar-se excessivamente fácil ou difícil e a natureza dos puzzles permite diferentes soluções, mostrando uma boa maleabilidade do gameplay.
Uma experiência intimista na mente de uma jovem traumatizada, In My Shadow possui narrativa simples, porém bem resolvida, mostrando uma protagonista que revive momentos-chave de sua vida enquanto reconcilia-se consigo mesma.