Review / Tutorial de Submerged Hidden Depths

* Esta análise foi feita com o código cedido pela Uppercut Games (versão PS4/PS5)

Distribuidora: Uppercut Games
Produtora: Uppercut Games
Plataforma: PS4 / PS5 / Xbox One / Xbox Series S / Xbox Series X / PC / Stadia
Mídia: Digital
Ano de Lançamento: 2022

Submerged Hidden Depths é um jogo de exploração/puzzle onde você controla um casal de irmãos que explora um mundo pós-apocalíptico dominado pelas águas e pela Massa.

FRATERNIDADE

SHD é uma sequência de Submerged, lançado em 2015.
Após os eventos do primeiro jogo, controlamos novamente Miku e agora também Taku, já maior e recuperado.

Enquanto Miku precisava curar o Taku em Submerged…


Os eventos do primeiro jogo deixaram sequelas em Miku, como o poder de interagir com as Sementes e restaurar a fauna local, ao preço de sua saúde. Ela carrega uma extensa marca em seu braço direito, como uma raiz que circunda todo o membro, incluindo flores.

… agora é ela quem sofre com as sequelas da primeira aventura

O mundo continua submerso, com pequenas “ilhas” formadas por destroços da antiga civilização, construções em ruínas, tomadas pela Massa.

RESTAURANDO A VIDA

O aquecimento global provocou a inundação do mundo, com uma pequena parcela da população tendo sobrevivido. Aqui, no entanto, não temos contato com outros seres humanos, apenas com os Remanescentes, cópias dos seres vivos criados pela entidade/criatura Massa, uma força que se alastrou pelo resto da civilização.

Remanescentes: cópias dos últimos humanos da localidade
Semente aprisionada em meio às relíquias e máquinas

Cada uma das “ilhas” possui uma das Sementes retiradas da Massa e aprisionada em meio a relíquias do passado, altares para eletrodomésticos, consumindo a energia vital da Semente. Cabe a você libertar a Semente da máquina que a restringe (Miku pode desconectar a Semente e transportá-la) e levá-la de volta à raiz da qual faz parte.

A planta corrompida impede o avanço por certas áreas…

Enquanto carrega a Semente, flores vão se espalhando pelo cenário e as raízes e galhos antes escurecidos pela corrupção das máquinas, retomam o verde natural. Os Remanescentes, cópias dos humanos que ali viviam, meras duplicatas em formas de planta, registrando seus últimos momentos de vida, também cobrem-se de flores ao contato com a Semente.

… mas a Semente abre caminho

Ao depositar a Semente de volta ao seu local de origem, o centro da planta principal, uma flor envolve a orbe e restaura permanentemente a fauna da ilha; os irmãos retornam para sua base, de barco, enquanto Miku se recupera.

Ao retornar ao local de origem, a Semente revitaliza o cenário

POR MARES NUNCA DANTES NAVEGADOS

Nem só de restaurar Sementes consiste a aventura dos irmãos: várias ruínas e bases podem ser exploradas, contendo diversos segredos.

O barco é a única forma de explorar o cenário inundado

O cenário é explorado de barco, como citado anteriormente, operado a motor por Taku, o irmão mais novo.
Upgrades para o boost do barco, representados por hélices azuis, podem ser encontrados em destroços de outras embarcações.

Cada livro contém uma página…
… contendo uma ilustração do trecho da trama…

Páginas de diário contando a história do mundo e sua queda pela Massa e pela corrupção do homem estão espalhados pelo mapa. Livros contêm tais páginas, sendo avulsos em locais próprios ou quatro a cada ilha.
Cada página contém apenas um desenho, é necessário encontrar todo o grupo correspondente para obter a história de fato.

… juntando as quatro partes você descobre o conteúdo

Paisagens contendo escombros de grandes obras do passado, como torres, museus e estátuas parcialmente submersos também estão entre os “coletáveis”, possuindo nomes que as crianças atribuem a eles.

Monumentos do mundo antigo parcialmente visíveis na superfície
Torres de observação revelam pontos de interesse próximos…
… e parte do mapa à volta

Semelhante às paisagens, grandes torres de observação destacam-se na paisagem; uma vez escaladas, revelam pontos de interesse próximos e parte do mapa, através de uma tocha acesa em seu alto.

Relíquias de um mundo incompreensível para os irmãos

Relíquias também podem ser encontradas submersas, “pescadas” por Taku através de uma corda e um gancho.
Artefatos do mundo antigo, servem para decorar a base dos irmãos, variante de uma máquina de escrever a um astrolábio, passando por brinquedos.

A Massa fez cópias dos animais existentes antes do cataclisma

Cópias dos animais existentes, criados pela Massa, podem ser observadas e catalogadas; algumas nas ilhas, outras nas águas do mar.

Penteados estão entre os cosméticos coletáveis…
… bem como visuais diferentes para o barco

Nas ilhas é possível também achar conjuntos de cosméticos, tanto para Miku quanto para o barco: diferentes cortes de cabelo e roupas, além de visuais diferentes para o barco.
Tais cosméticos são representados por conchas brilhantes, sendo necessário coletar um set completo para liberar um dos itens cosméticos (equipáveis via menu).
As ilhas abrigam também flores especiais, que coletadas servem para adornar a base.

Cada ilha possui uma flor especial para ser encontrada

A coleta de todos estes itens e também das Sementes, no entanto, não é tão simples: além de escalar e saltar por plataformas e pilastras, é necessário abrir portões pelo acesso a alavancas, arrastar plataformas com o barco (que construirão pontes de acesso) e baixar passagens de madeira para permitir atravessar diferentes áreas (seja pelo uso de alavancas ou por botões de pressão que são ativados ao se depositar esferas de pedra).

Taku pode explorar áreas extras
A boa e velha tirolesa
Elevadores de carga transportam Sementes e orbes de pedra

Existem ainda elevadores de carga (aos quais as esferas de madeira e/ou as Sementes podem ser depositadas) e elevadores para os personagens, bem como cordas com roldanas que permitem subir ou descer rapidamente, além de tirolesas para cruzar estruturas.

Orbes de pedra podem ser carregadas…
… para ativar mecanismo de pressão, construindo pontes e liberando caminhos

BELOS ESCOMBROS

O gráfico e a arte de Submerged Hidden Depths são belíssimos, um verdadeiro colírio para olhos cansados de combates, combinando com a mensagem pacifista do jogo.
Não há combates em Hidden Depths… e eles não fazem falta!

A beleza do título é inegável
Apesar de ser uma beleza desoladora

O jogo se sustenta apenas pela exploração e puzzles, trazendo uma sensação de relaxamento ao jogador, com personagens carismáticos e bem modelados, além de cenários de cair o queixo, tudo muito colorido e vivo (o que é irônico, dada a natureza pós-apocalíptica do título).

Passeado por um letreiro em ruínas…

A trilha sonora é igualmente relaxante, com temas orquestrados, temperados por uma camada de melancolia.
A jornada solitária dos irmãos é bem pontuada pela trilha.

PLATINANDO DESTROÇOS

A platina de Submerged Hidden Depths é calma e tranquila, bem como a aventura apresentada.
Ela consistem em finalizar o jogo e coletar 100% de seus itens, além de catalogar todos os animais.
É possível fazer tudo antes de finalizar, mas caso não consiga, o jogo fica aberto para exploração.

Dá pra ver minha casa daqui de cima!

RESUMO DA ÓPERA:
Submerged Hidden Depths é um relaxante aventura de exploração e puzzles
sobre dois irmãos tentando restaurar o que o Homem corrompeu.

Um conto sobre fraternidade e melancolia

Os belos gráficos e a trilha sonora melancólica abrilhantam ainda mais uma trama que parece simples a princípio, mas carrega bastante subtexto sobre aquecimento global e a destruição da natureza (seguindo os passos do jogo antecessor).

Gostei da decoração com secadores… vou testar aqui em casa!

Os puzzles e a coleta de itens (o jogo quase se enquadra em um coletaton) cumprem seu papel, sem atrapalhar o jogador, provando que um jogo pode ser uma experiência mais leve, sem precisar de combate ou grandes doses de adrenalina.

Vocês têm um minuto para ouvir a palavra de Cthulhu?

Submerged Hidden Depths é um título diferente em sua proposta, convidando à reflexão sobre a preservação do planeta, em contrapartida ao habitual combate e desafio comum aos video games.
Um jogo para quando se quer apenas absorver uma boa obra, sem precisar se estressar no processo.