Review / Tutorial de Fatal Frame Maiden Of Black Water

* Esta análise foi feita com o código cedido pela Koei Tecmo (versão PS5)

Distribuidora: Koei Tecmo
Produtora: Koei Techmo
Plataforma:  PS4 / PS5 / Switch / Xbox One / Xbox Series S / Xbox Series X / PC
Mídia: Física e Digital
Ano de Lançamento:  2021

Fatal Frame Maiden Of Black Water (Project Zero em algumas regiões) é um remaster/relançamento do jogo original, lançado para Nintendo Wii U em 2014/2015.

O quinto título da franquia de survival horror envolve estranhos desaparecimentos no Monte Hikami, um local ligado a suicídios.

O CULTO DO MONTE HIKAMI

O monte Hikami possui um longo histórico com suicídios e eventos sobrenaturais.
Lar de sacerdotisas capazes de ler a mente das pessoas, habilidade utilizada para guiar aqueles que desejavam a morte de uma maneira pacífica.
No monte Hikami, tais sacerdotisas ajudavam a guiar os espíritos dos suicidas, não permitindo que eles ficassem presos entre dimensões, como os suicidas de outros locais.

As sacerdotisas do Monte Hikami

O poder das sacerdotisas cresceu, bem como seu envolvimento emocional com o mundo espiritual, ao ponto de afetar a chamada “Água Negra”, uma espécie de entidade/elemental das águas.
Para acalmar a Água Negra, foi criado o ritual da Flor Eterna, onde as sacerdotisas são sacrificadas, sendo encerradas em caixas.

CASAMENTO FANTASMA

Para aumentar o tempo de duração das sacerdotisas, elas eram casadas com pretendentes.
Homens que viam pela primeira vez a foto de uma sacerdotisa ficavam obcecados, tornando-se automaticamente os noivos destinados a compartilharem o destino das donzelas.

Em um tempo onde as máquinas fotográficas ainda eram uma novidade no Japão, fotos pós-morte eram tiradas para que os familiares possuíssem uma recordação do falecido (essa prática foi comum na Europa, durante a Era Vitoriana).
Ao criar a Camera Obscura, no entanto, o Professor Aso buscava capturar mais do que simples imagens, detectando e registrando efeitos sobrenaturais.

Medo de casamento? Espero que não…

As fotos tiradas das “noivas sacerdotisas” imprimiam certas características ao papel, possivelmente ligadas à Camera Obscura?
Bem, spoilers, então vou parar por aqui.

CAMERA OBSCURA

Embora cada título tenha seus protagonistas, a franquia Fatal Frame/Project Zero gira em torno da Camera Obscura, uma máquina fotográfica capaz de identificar espíritos e traços de sua passagem, além de causar dano aos fantasmas.
Tanto que o spin-off de Fatal Frame, Spirit Camera, é justamente um jogo focado na realidade aumentada através da câmera do Nintendo 3DS.

Miu é capaz de desacelerar o tempo

Criada pelo professor Kunihiko Aso, folclorista que estudava fenômenos sobrenaturais, o artefato tornou-se uma poderosa máquina de exorcismo espiritual.
Em Maiden Of Black Water existem três câmeras diferentes, cada qual com habilidades próprias: enquanto a câmera de Yuri é a Obscura padrão, equipável com diferentes lentes, a câmera de Ren pode tirar quatro fotos simultâneas, mas não permite equipar diferentes modificadores; já a câmera de Miu pode desacelerar o tempo.

AOKIGAHARA, A FLORESTA DO SUICÍDIO

Aokigahara, floresta também conhecida como Mar de Árvores, é uma localidade japonesa próxima ao Monte Fuji.
Com aproximadamente 38km², a floresta possui uma série de rochas e cavernas, compondo um complexo labirinto.

Mar de Árvores parece um nome apropriado para Aokigahara

Não se sabe exatamente quando ou porquê a floresta começou a atrair tantos suicidas, embora suspeite-se que a região fosse usada no passado para o usabute, costume de abandonar idosos para morrer em períodos de escassez de alimentos ou secas.
No entanto, o livro Kuroi Jukai, de Seicho Matsumoto, publicado em 1960, pode ser a peça-chave que falta na conclusão deste mistério.
Na obra, um casal de amantes comete suicídio na floresta, no final.

Avisos sobre a importância da vida e prevenção de suicídios na floresta

Fato é que Aokigahara tornou-se ponto para inúmeros suicidas, muitos dos quais podem não ser achados, dependendo da distância e complexidade do local onde a vítima foi para consumar o ato.
O Japão é um país com alto nível de taxa de suicídio e a floresta é um “catalisador” de casos.

CREPÚSCULO SOMBRIO

Mesmo após o fim do culto, pessoas continuaram subindo o Monte Hikami, para cometer suicídio durante o crepúsculo, momento em que teriam uma “morte limpa”, sem ficarem aprisionados entre realidades… ou assim contava a lenda.

Ao ler as sombras, Yuri aprende a seguir os rastros fantasmas

É nesse contexto que os três protagonistas do título: Yuri Kozukata, Ren Hojo e Miu Hinasaki partem para o Monte, em busca de diferentes objetivos, até que seus caminhos se encontram.

Yuri e Hisoka encontram o álbum para Ren Hojo

Yuri parte junto de Hisoka para as Fontes Termais Mikomori, ao pé do Monte Hikami, em busca de um álbum de fotografias de interesse de Ren. Hisoka ensina a Yuri a habilidade de “ler sombras”, para localizar o álbum.
Ao ser atacada por um fantasma, Yuri usa pela primeira vez a Camera Obscura de Hisoka.

Ren Hojo, escritor, é atraído ao Monte ao entrar em contato com uma foto pós-morte

Ren Hojo recebe o álbum resgatado por Hisoka e Yuri, para o seu novo livro.
Uma foto pós-morte chama a sua atenção, levando-o ao Monte Hikami, junto de sua assistente, Rui Kagamiya.

Miu parte em busca da mãe, Miku Hinasaki, antiga protagonista da franquia

Abandonada aos 3 anos de idade, Miu Hinasaki vai até o monte em busca de sua mãe, Miku Hinasaki, antiga conhecida da série, protagonista de Fatal Frame 1 e participante de Fatal Frame 3.
As razões pelo abandono estão ligadas aos eventos de Fatal Frame 3. Por motivos de spoiler, não irei comentar o caso, embora não seja totalmente clara a motivação em Maiden Of Black Water, mas quem jogou Fatal Frame 3 The Tormented, irá captar alguns perturbadores detalhes sobre a concepção da criança.

O FRAME FATAL

O combate da série gira em torno do uso da Camera Obscura para enfraquecer e exorcizar os fantasmas.
Inicialmente, a ideia original do título era modificar este conceito, mas os desenvolvedores voltaram atrás e decidiram por manter a câmera como arma.
O capítulo extra, com Ayane (que falarei mais à frente), utiliza parte da ideia original.

Ao tirar fotos, as orbes indicam a quantidade de locais que causam dano ao espírito

A Camera Obscura utiliza diferentes tipos de filme, cada qual com uma força de ataque. O filme Type-07 é o básico, de uso ilimitado, possuindo o menor poder.
Os demais filmes são encontrados nos cenários, sendo sua raridade diretamente ligadas ao seu poder: 14, 61 e 90, além do mais raro e poderoso, o Type-Zero (que possui um longo tempo de recarregamento).

Ao focar barreiras espirituais, fotos de locais que precisam ser fotografados para abrir a passagem são revelados

Ao tirar fotos dos espíritos, desde que um círculo apareça focando algum ponto do fantasma, será causado um pequeno dano; quanto mais círculos, rosto e articulações (em alguns casos armas) mais combos serão criados.
O Frame Fatal (que nomeia a franquia) acontece quando a foto é tirada pouco antes do ataque, quando a mira aparece em vermelho.
É um curto espaço de tempo em que você pode ser atacado, mas causa muito mais dano, aumentado pela proximidade.

O Fatal Frame dá muito dano

Ao receber um Fatal Frame, o fantasma recua. Para aumentar a quantidade de alvos, é recomendado mirar no rosto do espírito e tirar fotos enquanto ele está distante; desta forma, alvos móveis com a face flutuarão em torno do inimigo, por algum tempo. Caso não ataque os alvos móveis, eles retornarão ao espectro original.

Deixa eu ver se a foto ficou boa!

Como o jogo foi originalmente lançado para o Wii U, os controles de movimento estão presentes, através da inclinação do Dual Shock / Dual Sense, podendo tal sistema ser combinado com o uso do analógico e os botões R1 e L1 para rotacionar a câmera, permitindo fotos em diversos ângulos, mesmo na vertical ou diagonal. A opção de movimento pode ser desativada nas opções, caso seja a preferência do jogador (mas confesso que o sistema combinado ajudou bastante na velocidade das fotos).

As orbes recarregam o poder para o uso de habilidades (barra azul à esquerda)

Habilidades especiais, como os quatro disparos simultâneos de Ren e a desaceleração do tempo de Miu dão variedade entre os três personagens.
Além das habilidades de personagem, diferentes lentes podem ser equipadas, permitindo efeitos como Dano Aumentado, Recuperação de Vida, Paralisação Temporária do Alvo, Aumento de Ganho de Experiência, etc…
Para usar tanto as habilidades especiais dos personagens quanto os disparos com lentes especiais (sempre executados pelo botão quadrado, enquanto o R2 tira a foto normal) é necessário encher uma barra de energia, que é recuperada com a energia que os fantasmas liberam ao receber dano.

A tela do final do capítulo indica os ganhos de pontuação

As habilidades podem ser melhoradas via menu (a qualquer momento do jogo) mediante o uso dos pontos de experiência, cada qual com três upgrades disponíveis. Os pontos de experiência também podem ser gastos para comprar itens no início de cada capítulo e roupas extras para os personagens.
Ao final de cada capítulo, uma tela com os resultados mostra a experiência ganha e como ela foi obtida, dado o número de dano causado, a dificuldade, os itens encontrados e os itens usados. O ranking máximo para ser obtido é S+, um acima do S.

MACABRA MEDIUNIDADE

Há uma grande variedade de espíritos, entre sacerdotisas, noivas, carregadores das caixas de madeira do Ritual e suicidas.
Não apenas os espíritos que podem ser combatidos, como também alguns espíritos fixados em uma localidade, revivendo momentos de suas vidas passadas, caminhando por corredores ou vagando pela floresta. Estes espíritos (geralmente) não atacam, apenas concedem pontuação bônus, caso você consiga capturar a manifestação espectral (eles são rápidos para desaparecer).

Fantasmas em possibilidade de Frame Glance (sim, a imagem fica borrada)

Ao derrotar um espírito, você pode executar o Frame Glance, tocando no espírito antes que ele desapareça. Através do FG é possível acessar o passado na montanha, em alguns casos; outros fantasmas apenas concedem 500 pontos extras.

Cuidado ao pegar itens

Durante os combates, os espíritos podem agarrar os personagens, drenando lentamente suas vidas, momento em que a Camera focará diretamente no rosto do fantasma. Apenas um Fatal Frame pode salvá-lo nestas situações. Em confrontos com a Mulher Alta (Tall Woman), um erro de Fatal Frame neste momento pode custar a sua vida.

Itens acessíveis via menu (troféu por consumir 20 ervas no mesmo capítulo)

Para recuperar a energia, ervas medicinais como o item de cura base e água sagrada para recuperar toda a vida.
Já a “pedra espelho” (stone mirror) revive o personagem, caso sua vida se esgote. Ela será consumida automaticamente e o personagem se reergue com vida total.

ÁGUA NEGRA

A água é um elemento central do título.
Além do ritual para acalmar a Água Negra, conforme o personagem vai se molhando, fica mais suscetível a ataques de fantasmas, atraindo mais atenção e recebendo mais dano.
Sempre que possível, é bom evitar entrar na água, embora a passagem por terrenos alagados seja constante, bem como a chuva.

Uma caixa suspeita no meio da Água Negra: Vou investigar! disse a protagonista de terror

Purificadores servem para remover a umidade do personagem, bem como status negativos que podem ser lançados por alguns fantasmas, incluindo um “envenenamento” e perda de visibilidade temporária.

Diários contam a história da montanha

Ao coletar itens e textos no jogo, é necessário segurar R2 até que o personagem toque no item… E aí mora o perigo!
Quando está prestes a tocar no item, é possível que uma mão fantasma tente agarrá-lo.
Para tentar evitar a “mão boba”, o gatilho deve ser levemente pressionado e seguro, para que seja mais fácil identificar e evitar ser agarrado (soltando o botão a tempo).
O grau de infectado e/ou infectante é representado por uma flor desabrochando.

AYANE

Após finalizar a campanha, Ayane (Dead Or Alive e Ninja Gaiden) surge jogável em uma campanha extra.

O bracelete cria um fio mágico conectando o alvo à Ayane

Investigando o desaparecimento da jovem Tsugumi, a ninja de cabelos roxos e olhos vermelhos parte para o Monte Hikami.
Utilizando um bracelete mágico que cria um fio de energia que se conecta ao alvo da busca, Ayane é atacada por um fantasma.
Sua espada não surte efeito e a ninja é subjugada pelos espíritos.

Tatuagem de proteção espiritual aplicada

Ferida, Ayane foge e vai atrás de uma tatuagem mágica para protegê-la dos espectros.
Vários símbolos são pintados em sua pele, fazendo com que não apenas Ayane fique menos visível, como também perceba a atenção que está atraindo, representada por diferentes cores em um pequeno indicador na direção do fantasma: roxo é o estado normal, amarelo é a busca do fantasma e vermelho o indicativo de ataque.

A tatuagem vai se apagando com a proximidade de fantasmas e com o contato constante com água…
… tenha Tinta extra para se recuperar.

A simples proximidade com os fantasmas pode reduzir a energia de Ayane, fazendo com que a tinta vá se apagando de suas costas, tornando-a mais chamativa aos fantasmas.
Frascos de tinta podem ser usados para recarregar a energia espiritual.

A lanterna atordoa os espíritos, mas não os derrota: fuja!

Diferente dos outros personagens, Ayane não utiliza a Camera Obscura.
O que ela usa é uma estranha lanterna, capaz de atordoar os fantasmas; portanto Ayane não pode realmente derrotar as almas, apenas atordoá-las enquanto procura uma rota para escapar.

DOCUMENTOS DO PASSADO

Parte do plot sobre o passado da montanha e os rituais pode ser descoberto através de diários e anotações, que servem como os coletáveis do jogo.
Fitas K-7 com gravações de um personagem em específico também encontram-se pelos cenários.

Alguns coletáveis estão à mão, para exposição do plot
Gravações em K- com as memórias de um personagem

Enquanto alguns dos coletáveis são mais óbvios em suas localizações, outros estão mais escondidos, pedindo uma maior exploração dos mapas.
Ao explorar mais, no entanto, você estará se expondo a mais ataques e a deixar os personagens molhados, o que irá enfraquecê-los.

Aparições rápidas e lembranças do passado

Os fantasmas de aparições rápidas, citados anteriormente, também funcionam como uma forma de coletável própria, ficando registrados na Lista de Fantasmas.

ARTE FANTASMAGÓRICA

Embora o jogo seja um remaster, os modelos de personagens são muito bem feitos.
Os cenários são perturbadores e intrigantes, passando por uma pousada abandonada, um bosque amaldiçoado, um templo, uma caverna, etc.

Um bom templo para visitar durante a noite, hein?

Por se tratar de um jogo um pouco mais antigo, algumas decisões de gameplay, como impedir que o jogador explore algumas áreas, forçando-o a voltar para a rota principal, paredes invisíveis em alguns trechos dos mapas.

Tomara que isso seja uma decoração de Halloween!

A variedade de cenários não é muito grande, pelas múltiplas visitas com diferentes personagens, mas isto facilita o reconhecimento das construções, especialmente quando fotos de locais específicos precisam ser refeitas para desbloquear alguma barreira.

O gráfico do remaster impressiona, especialmente nos cenários

memórias do passado, representadas por imagens levemente distorcidas e opacas, como antigas gravações.
De igual forma, em determinado ponto, é necessário acompanhar a movimentação das câmeras de monitoramento da Kurosawa’s Antique, o antiquário/casa de Hisoka Kurosawa.

Hojo vigiando o sistema de câmera interno do antiquário

A trilha sonora é bastante atmosférica e discreta, deixando o jogador muitas vezes apenas com o som do cenário, murmúrios de fantasmas e outros sons.
As dublagens são consistentes (joguei em japonês) e o famoso sino da franquia toca com certa frequência, preparando o jogador psicologicamente.

Memórias do passado são representadas com visual de gravação antiga

TROFÉUS ESPECTRAIS

A platina de Fatal Frame Maiden Of Black Water é bastante desafiadora, pedindo múltiplas runs.
Finalizar todos os capítulos com 100% de aproveitamento, finalizar todos os capítulos com nota máxima (S+), derrotar um fantasma com apenas um disparo de câmera, esquivar cinco mãos fantasmas, derrotar o chefe final com o filme Type-07 e fazer todos os finais com todos os personagens são alguns dos troféus.

Ayane, acho que deu problema aqui…

É uma platina de longa duração pelos múltiplos finais e pela busca pelos melhores rankings nas fases.
As roupas desbloqueáveis custam caro, então pense bem antes de gastar para liberá-las, pois fazer todos os upgrades de câmeras e lentes custa uma fortuna!
E para mais pontos, as maiores dificuldades, quando bem jogadas, rendem bônus satisfatórios.

RESUMO DA ÓPERA:
Fatal Frame Maiden Of Black Water é um jogo de terror que faz jus ao legado de sua franquia.
O alto desafio é compensado pela quantidade generosa de itens de cura e munição, nas dificuldades menores; já nas dificuldades mais avançadas o fator survival horror se intensifica.

Boneca ou espírito de criança? Só tem um jeito de descobrir…

Se você já jogou algum título da franquia Fatal Frame/Project Zero, sabe que o início pode ser intimidador pelos sustos… e o resto do jogo não será diferente, mas você aprende a aguentar o terror.
Se você é um iniciante na série, bem… boa sorte! Mas não desista, você pega o jeito.
Eu certamente aprendi isso em Fatal Frame 2 Crimson Butterfly, que foi meu primeiro contato com a série, no PlayStation 2 (peeping child, até hoje eu lembro desse susto).

Graficamente, confesso que fiquei surpreso com a qualidade, considerando ser um jogo de 6/7 anos.
Os modelos dos personagens estão bem produzidos e os cenários são bastante detalhados.
A parte sonora ajuda a manter o clima de tensão, discreta e abstendo-se em alguns momentos, para aumentar a imersão.

Terror japonês de primeira qualidade!

Afora algumas convenções antigas de jogos japoneses, como a já citada “parede invisível” de roteiro, quando o personagem é impedido de avançar por determinado caminho, Fatal Frame Maiden Of Black Water brilha no quesito terror.

O retorno do rei do terror japonês, apesar de um roteiro um tanto quanto confuso, impressiona com os sustos e o clima amaldiçoado.
Talvez o mais pesado da série (pela temático do suicídio), o jogo se mantém atual, sendo beneficiado pelo fator multiplataforma e pelos consoles atuais.

Koei Tecmo, nunca te pedi nada, remasterize a trilogia original e o quarto jogo, que foi apenas de Wii.