Review / Tutorial de Merek’s Market

* Esta análise foi feita com o código cedido pela Big Village Games Limited (versão PS4/PS5)

Distribuidora: Big Village Games Limited
Produtora: Big Village Games Limited
Plataforma:  PS4 / PS5 /Xbox One / Xbox One S / Xbox One X / PC / Google Stadia
Mídia: Digital
Ano de Lançamento: 2021

Merek’s Market é um jogo caótico de criação e gerenciamento de uma loja medieval.

DO OUTRO LADO DO BALCÃO

Vendedores são NPC’s essenciais em qualquer RPG.
Eles fornecem equipamentos, poções e até upgrades para os aventureiros, tudo por um módico preço.

Palhaço não! Senhor Bufão para você!

Mas você já se perguntou como é estar do outro lado do balcão?
Em Merek’s Market você não apenas vende os itens, como também os fabrica!
Velocidade e conhecimento das técnicas de ferreiro, boticário e alfaiate são essenciais.

O MÉTODO ARTESANAL

Embora hoje o artesanato refira-se apenas ao trabalho manual como meio de criação para produtos de cultura popular/folclórica, nem sempre foi assim.

Artesanato e manufatura erão responsáveis pelos produtos pré-Revolução Industrial

O artesão, em sua essência, é aquele que possui os meios de produção e participa de todo o processo de feitura de algum utensílio.
A manufatura, onde cada passo da cadeia de produção é realizado por um trabalhador, substituiu o método artesanal da fabricação de utensílios, aumentando a velocidade e a quantidade dos mesmos, tornando os produtos mais baratos.
A revolução industrial tornaria o processo ainda mais barato e rápido, automatizando parte do trabalho com a introdução das primeiras máquinas a vapor.

“JOÃO” FAZ-TUDO (JACK OF ALL TRADES)

Merek é um artesão e comerciante, operando sua própria loja/fábrica sozinho.
Isso quer dizer não apenas fabricar os produtos para venda, como também receber o pagamento no balcão.

O cliente indica qual produto está procurando

Alguns produtos específicos estão em estoque, atendendo a pedidos de clientes.
Ao contrário dos produtos fabricados, com preço fixo, recebido automaticamente ao serem entregues, os produtos de estoque não possuem valor fixo, cabendo ao jogador estabelecer o valor. O cliente pode aceitar ou não, fazendo uma contraproposta.

A última loja de Merek

Embora o valor não seja fixo, ao vender o mesmo produto, é possível aprender o seu valor sugerido, bem como cobrar mais ou menos.
Por vezes, clientes pedirão itens que não estão à venda, cabendo a Merek dispensar o cliente.
De igual forma, alguns clientes aparecem apenas para conversar com Merek, sem objetivo de comprar, seja simplesmente para jogar conversa fora ou para atrapalhar as vendas, a mando do concorrente.

UMA LOJA PARA TODOS GOVERNAR

Para aprender a fabricar novos itens, é necessário receber a “receita” de um dos aliados de Merek.

Len é o primeiro aliado de Merek: seu pagamento é pão e mel


Para fabricar os produtos, há fornos, bigornas, bancadas de trabalho e caldeirões.

  • Fornos: servem para cozinhar argila e fundir metais, sendo possível fabricar neles lingotes e vigas de metal, copos de vidro e vasos de porcelana;
  • Bigornas: trabalhar os metais puros ou já fundidos, permitindo criar espadas, lanças, escudos e armaduras;
  • Bancadas de trabalho: local para madeira e couro, sendo possível fabricar cintos, cetros, luvas;
  • Caldeirões: para criar poções de cura, sabedoria, sorte, proteção e sono.
A bancada de trabalho serve para couro e madeira

Além destes itens, projetos especiais podem ser fabricados para atrair mais clientes e/ou melhorar a loja.
Tais projetos são fabricados por partes e montados em uma área da loja, variando de uma pista de dança com mesa de DJ e luz estroboscópica (medieval, obviamente), uma estátua em tamanho grande para um cliente e até mesmo um piercing para o focinho de um dragão.

Espero que o sonífero dure o suficiente…

Conforme seu negócio cresce, Merek ganha acesso a novas lojas, maiores e mais bem equipadas, mas também mais complexas para serem navegadas, seja pelas múltiplas salas e/ou obstáculos.

Ratos roubam suas riquezas (literalmente) e devem ser espantados pelo gato, mas ele não é lá muito pró-ativo, cabe a você carregar o felino e soltá-lo na região com os ratos.

CORRENDO CONTRA O TEMPO

Você não possui ajudantes, então calcular bem os processo é importante. Na bigorna e na bancada de trabalho você precisa trabalhar presencialmente até concluir o produto; já no caldeirão e no forno, uma vez adicionados os ingredientes, há um tempo de preparo, que pode ser usado para criar outro objeto ou entregar o produto ao cliente e receber por isso.

Ao negociar itens especiais, vendedor e comprador podem fazer ofertas de diferentes valores

Para acelerar o processo, arremessar os ingredientes direto no local da fabricação economiza alguns preciosos segundos ou mesmo arremessar os itens na bancada onde o comprador vai pegá-lo.

Mas lembre-se: não arremesse o item pelas costas do cliente, ou ele irá desistir da compra. Da mesma forma, o comprador espera o item por algum tempo, mas desistirá da compra caso você demore demais para atendê-lo.

ATRAINDO CLIENTES

Marketing é a alma do negócio!
Além de melhorar a loja, Merek precisa de uma pista de dança quando a concorrência aperta.

Ao construir estátuas, a produção se dá por partes, em meio às vendas normais

Todas as construções de projetos especiais são feitas através de quick time events, incluindo um trecho rítmico.
Durante a construção da pista de dança, prompts de botões passam por um “braço” horizontal, semelhante aos jogos de guitarra.

Já para colocar o piercing no focinho do dragão, girar o analógico para abrir a boca da besta e alternar R2 e L2 para ajustar o nível, bem como acertar a sequência de QTE’s para não ser engolido.

A barra abaixo da tela ajuda a gerenciar a ordem de itens criados

Contando com a ajuda de uma bruxa, a lista de produtos a serem fabricados fica disponível na parte inferior da tela, com uma barra indicando o tempo aproximado para a chegada de cada cliente (um som de sino anuncia a entrada na loja).
Outros aliados podem dar dicas de clientes que pedirão produtos e podem pagar mais por eles.

ARTE MEDIEVAL

O gráfico de MM é bastante colorido, em tons vivos e chamativos, o que ajuda na fácil identificação de componentes e ingredientes à distância.
Os personagens são bastante caricatos, com visual levemente puxado para fantoches, incluindo cavaleiros de armadura, bruxas, damas de vestido longo e bobos da corte.

“Eu tenho cara de fantoche por acaso?”

Os cenários são vastos, em especial na última loja, que conta com escalas rolantes movidas por um burro em uma roda.

O jogo conta com dublagem completa nos hilários diálogos, com forte sotaque (escocês?).
A trilha sonora possui temas medievais animados que, combinados com o humor presente em todo o título, ajudam a descontrair o jogador (que ficará tenso com o desafio).

PLATINA FORJADA NO FOGO

A platina de Merek’s Market é bastante desafiadora (e estressante), esteja preparado se pretender obtê-la.

Pretende platinar o jogo? Prepare-se para correr contra o relógio

Além de precisar de 50 medalhas de ouro, o que significa obter a melhor classificação em todas as fases, há desafios específicos para bater a pontuação dos desenvolvedores em algumas fases.

Troféus relacionados ao tempo de construção de algumas estátuas e de itens específicos também estão relacionados.

RESUMO DA ÓPERA:
Merek’s Market é um caótico e cômico jogo onde você administra uma loja medieval, mas também é responsável pela fabricação dos produtos e pela venda dos mesmos.

Enquanto avança pelo mundo dos negócios, um vendedor concorrente abre uma loja maior que a sua e começa a tentar convencê-lo a vender o seu estabelecimento para ele.
Após as constantes negativas de Merek, o adversário apela para as tentativas de sabotagem, seja restringindo o uso de determinados componentes ou enviando funcionários para atrapalhar as vendas.

Exiba seus feitos para os amigos (ou passe vergonha) na leaderboard

Conforme ganha aliados, Merek passa a fazer favores, como a criação de estátuas e também a investir para atrair mais compradores.
Novos estabelecimentos são desbloqueados conforme Merek faz o seu nome como fabricante e mercador medieval.

Negociar produtos especiais também faz parte da rotina como vendedor.
Você pode estabelecer o preço que quiser para tais produtos, mas não seja muito ganancioso: os compradores possuem um limite de gastos.

O caos das vendas medievais pode ser compartilhado, permitindo cooperativo local de até quatro jogadores, o que é bastante útil para acelerar a manufatura de produtos.

No cooperativo, até quatro jogadores compartilham a loja

A arte caricata combina com o bom humor do título (presente até mesmo nos créditos do jogo!).
A platina para os caçadores de troféus é desafiadora e pede estratégia e bom timming.

Os controles fluídos e intuitivos ajudam a nivelar a tensão do jogador, alternando risadas com xingamentos aos clientes e às demoradas poções.

Caótico e acelerado, Merek’s Market mantém o jogador preso ao controle, ávido por mais; acredite, foram 50 fases em dois dias (e apenas pois precisei sair para trabalhar).